Alertas
4.786 Imóveis
Terça, 05 Julho 2022
Procurar Imóvel
Férias AlgarveÁrea de Clientes
Venda Armazém com 7979m2 Alverca Vila Franca de Xira - bons acessos
4.100.000€
thumbVenda Armazém com 7979m2 Alverca Vila Franca de Xira - bons acessos
0
t1t2t3t4REF AV-PBI-12547.979m²  3.363.945,12m²Armazém em Alverca do Ribatejo/Vila Franca de Xira. Terreno enorme com armazém devoluto para recuperação ou demolição. Grande potencial para projeto de investimento com bons acessos e próximo de Vialonga, Sobralinho, Alhandra e perto das margens do rio Tejo. O topónimo Alverca surge no período medieval, trata-se de uma palavra que deriva do árabe «Albirca» ou «Alborca» que significa terra alagadiça, a característica geográfica mais marcante na povoação. Na Idade Média, Alverca é Vila e Condado, caracterizando-se pela existência de herdades, quintas e casais dentro dos seus limites. Em 1354 é doada às Capelas de D. Afonso IV. No reinado de D. Pedro I, em 1357, surge-nos a primeira Carta de Confirmação do Concelho de Alverca. O Tejo foi importante no desenvolvimento da vila, nomeadamente pela localização de três portos, na desembocadura do mesmo número de esteiros, através dos quais se fazia a comunicação de pessoas e bens. A produção agrícola local baseava-se na cultura de cereais (trigo, cevada, milho), pomares (laranja), vinhas e oliveiras, pondo em movimento 12 azenhas, 30 lagares de vinho e 12 lagares de azeite. A oliveira em toda a região foi das árvores de enorme importância. Em 1782 são construídos dois Padrões, a assinalar o termo da cidade de Lisboa – localizado no limite do ribeiro da Alfarrobeira, na Verdelha já na Freguesia do Forte da Casa, os quais referem que a Estrada Real, no troço entre Lisboa e os referidos padrões, era ladeada por oliveiras, cujo azeite se destinava à iluminação pública da cidade de Lisboa. Em 1795, no reinado de D. Maria I é criado o lugar de Juiz de Fora em Alverca. Até essa data o concelho de Alverca era gerido por um Juiz Ordinário, eleito entre os 'maiores' da terra. O século XIX para Alverca foi tempo de mudança. É neste século que se dão alguns factos muito importantes que a longo prazo, viriam a mudar o cariz da Vila. A população no ano de 1801 é de 1642 habitantes. Em 24 de outubro de 1855 é extinto o Concelho de Alverca, passando a integrar o de Vila Franca de Xira. No ano seguinte, em 28 de outubro de 1856, Alverca foi das localidades pioneiras a ser servida pelos caminhos-de-ferro, quando D. Pedro V inaugurou a primeira linha ferroviária de Santa Apolónia ao Carregado, passando esta por Xabregas, Olivais, Póvoa, Alverca, Vila Franca de Xira e Castanheira. Alverca, em 1886 tem a primeira iluminação pública. Era a petróleo, com lampiões presos às paredes por uma consola de ferro. Em 1892, na Quinta da Figueira, é inaugurada uma 'Fábrica Têxtil', a primeira unidade fabril de vulto em Alverca, empregando 74 operários. Uma das características de Alverca é a sua ligação à História da Aviação Portuguesa, sendo considerado como o berço da aviação em Portugal. Aí se instalou em 1919 o aeródromo militar e as Oficinas Gerais de Material Aeronáutico. Também foi em Alverca que funcionou o primeiro aeroporto internacional português, denominado Campo Internacional de Aterragem, que serviu Lisboa até à inauguração do Aeroporto da Portela em 1940.
« Anterior12Seguinte »
Condições Gerais | Cookies | Política de Privacidade | Resolução Alternativa de Litígios
Copyright 2005-2022 © GTSoftLab Inc. All rights reserved. (0,045)
Powered by
GTSoftLab